O Gaeco e o Ministério Público deflagraram na manhã desta sexta-feira (23) a Operação Backfire. Foram cumpridos mandados judiciais em prédio do Altiplano Cabo Branco, em João Pessoa, e em uma empresa no bairro dos Bancários, também na Capital. Os alvos da operação são o coronel do Bombeiros José Carlos de Souza Nóbrega, o engenheiro civil e empresário Diego da Silva Castro, proprietário da DC Engenharia.

De acordo com as investigações, a fraude aconteceria na cobrança indevida de dinheiro para emissão de alvarás contra incêndios para o funcionamento de estabelecimentos. Os valores variariam entre R$ 100 e R$ 20 mil.

As acusações contra os investigados são de corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro.

A operação é do Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial do Ministério Público da Paraíba (Ncap), do Ministério Público da Paraíba. Na casa do coronel, que fica localizada no Altiplano, foram apreendidos R$ 17 mil em espécie.

Corpo de Bombeiros           

De acordo com a assessoria do Corpo de Bombeiros, as informações sobre as acusações que estão sendo feitas estão sendo colhidas para ser feita uma análise dos acontecimentos e, somente após isso, a corporação se pronunciará oficialmente.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Send this to a friend