Um acordo fechado entre o PT e o Avante para disputa proporcional selou a participação do deputado Federal, Luiz Couto (PT), como pré-candidato ao Senado na chapa encabeçada pelo pré-candidato ao Governo do Estado, João Azevêdo (PSB).

O PT costurava a aliança com o Avante do deputado Genival Matias, mas a “tropa de choque” do partido vetava a participação do deputado Luiz Couto na disputa, sob pena da legenda se transformar em calda para o PT. A condição era Couto fora da disputa.

Com a articulação da cúpula nacional do PT e do governador Ricardo Coutinho, Luiz Couto aceitou o desafio de disputar uma vaga ao Senado na chapa socialista. Decisão que culminou com a formalizacão da aliança entre PT e Avante na disputa proporcional.

 

Anderson Soares

Leave a Reply

Your email address will not be published.