ESTADO

O Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Administração, informa que o pagamento dos servidores estaduais referente ao mês de março, inicia na próxima segunda-feira (30). Neste primeiro dia, recebem aposentados e pensionistas. Já na terça-feira (31), será efetuado o pagamento dos servidores da ativa, incluindo administração direta e indireta.

O pagamento dos servidores estaduais dentro do mês trabalhado é um compromisso que vem sendo cumprido pelo Governo do Estado, apesar da crise que assola o país por conta do coronavírus (Covid-19).

Calendário

30/03 – aposentados e pensionistas

31/03 – servidores da ativa (administração direta e indireta)

 

PMJP

Como vem fazendo nos últimos oito anos, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, assegurou, nesta quinta-feira (26), o pagamento dos servidores municipais para as próximas segunda (30) e terça-feira (31). Apesar da crise sanitária e econômica que afeta o Brasil e outros países do mundo, o gestor segue cumprindo com o cronograma de pagamento dentro do mês trabalhado.

O prefeito fez um apelo para que os servidores, principalmente aqueles com idade acima de 60 anos, evitem usar dinheiro em espécie e priorizem as operações bancárias à distância, dando preferência ao uso de aplicativos. “Seguimos cumprindo um compromisso assumido com a cidade e com os servidores. Ao mesmo tempo, também adotamos medidas importantes de suporte à população, como a distribuição de alimentos em escolas e creches, totalizando mais de 23 mil pessoas beneficiadas, além de 3 mil refeições servidas, por dia, nos restaurantes populares e cozinhas comunitárias”, disse.

De acordo com o cronograma elaborado pela Secretaria de Administração, funcionários inativos da administração recebem na próxima segunda-feira (30). Já os servidores da ativa, da administração direta ou indireta, recebem na terça-feira (31). O secretário Lauro Montenegro explicou que o posto de atendimento bancário que funciona no Centro Administrativo Municipal (Cam), em Água Fria, não estará disponível, tendo em vista o decreto de situação de emergência na capital paraibana, em decorrência da Covid-19.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Send this to a friend