O Banco do Brasil recentemente perdeu a folha de pagamento do Estado da Paraíba para o banco Bradesco. Parece que o BB não irá deixar de brigar pelos servidores estaduais e vem fazendo uma campanha forte para que os servidores continuem no Banco, nesta quarta-feira(8) funcionários do BB estão abordando os servidores para que eles não façam a opção de  receberem os seus Salários no Bradesco.

De acordo com o secretário do Procon Municipal de João Pessoa, o sempre atuante em defesa do Consumidor, Helton Renê,  após a abertura da conta-salário no Bradesco, se o servidor estadual quiser voltar ao banco de origem tem um prazo de cinco dias para requerer a portabilidade. “É claro que os servidores têm direito a essa portabilidade somente depois de efetivarem a conta no Bradesco”. Helton Renê explica que o convênio com os bancos para pagamento de servidores é totalmente normal e se realiza em qualquer esfera do serviço público, com um processo licitatório dentro da conformidade legal.

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Send this to a friend