A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) arquivou o pedido de anulação da eleição de João Corujinha para o segundo biênio à frente da Casa. A Mesa Diretora do Parlamento acatou parecer da Procuradoria Jurídica da Casa, que confirmou a legalidade da “eleição casada”.

A Procuradoria entendeu que a decisão de realizar a segunda eleição logo após a eleição da primeira mesa, que elegeu como presidente o vereador Marcos Vinicius (PSDB), atendeu os requisitos políticos/administrativos determinados pelo regimento da CMJP.

O presidente Marcos Vinicius (PSDB) se reuniu com a Mesa Diretora na manhã desta quarta-feira (27) e anunciou o arquivamento do pedido.

Entenda

A anulação da segunda eleição foi pleiteada pelo vereador João Almeida (SD). Ele alegava que o projeto que determinou a “eleição casada” não atendeu ao regimento interno da Câmara.

 

ParaibaJa

Leave a Reply

Your email address will not be published.