O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), ressaltou em suas redes sociais a atuação que o Procon-JP vem desempenhando na Capital durante a crise nos combustíveis que se instalou em todo o país após o início da greve dos caminhoneiros.

O gestor reforçou que se a população souber de casos de aumento exagerado de preços no combustível, ou de outras práticas abusivas, pode entrar em contato com o órgão através de telefones, inclusive um gratuito. “O Procon-JP está nas ruas fiscalizando os postos de combustíveis e já notificou 60 para apresentar notas fiscais. Caso a população saiba de aumentos exagerados de preços dos combustíveis ou outras práticas abusivas, a denúncia para o Procon-JP pode ser feita pelos telefones 0800 083 2015; 3214-3040; 3214-3042 ou 3214-3046” detalhou ele na postagem.

Em outra publicação, Cartaxo informou que a fiscalização segue até a normalização do abastecimento. “Enquanto não houver uma solução para a greve nacional dos caminhoneiros, nós da Prefeitura seguiremos cumprindo com o papel que nos cabe”.

Já o Secretário Helton Rene agradeceu ao prefeito o reconhecimento, ma disse que a guerra ainda não acabou, ” reconhecimento isso que importa!! agradeço ao prefeito Cartaxo pelas palavras, mas a ” guerra” ainda não acabou! Conseguimos segurar um pouco a ” onda” em relação a outras cidades, que ultrapassaram valores astronômicos nos  combustíveis, mas se não ficarmos vigilantes, a tendencia não é boa” frisou

Na oportunidade Renê ainda agradeceu boa parte dos postos de  combustíveis ” Nesse panorama não posso deixar de agradecer a boa parte dos posto de combustíveis que atenderam ao recado e claro, não se comportaram como alguns estados” finalizou

Leave a Reply

Your email address will not be published.