Na cidade de  Bayeux, na Câmara Municipal os vereadores decidiram por unanimidade adiar a sessão que iria decidir o futuro do prefeito interino, Luiz Antônio (PSDB), na sessão ordinária desta quinta-feira (26). O relator da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o vereador Lico (PSB), pediu vistas e alegou que a denúncia precisa de mais tempo para ser analisada.

O presidente da Câmara, o vereador Noquinha (PSL) não quis falar sobre o assunto, mas afirmou que a peça será apreciado na próxima sessão ordinária.

Já o vereador Adriano Martins (PMDB) defendeu novas eleições na cidade. O parlamentar disse ser contra o pedido de afastamento por considerar inconsistente e de cunho político.

A sessão foi marcada por manifestações de populares que pediam o afastamento e até a prisão do prefeito Luiz Antônio.

Leave a Reply

Your email address will not be published.