Política

Galdino diz que ex-governador queria continuar mandando no governo

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino  (PSB) defendeu na tarde desta terça-feira (3), a saída dos aliados do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) do Governo do Estado. Para ele, só deve continuar na gestão quem estiver, totalmente, comprometido com a gestão estadual.   “Só deve permanecer no Governo que for 100% João Azevedo, que estiver em sintonia com o governo dele”, defendeu.

Adriano Galdino comentou sobre o rompimento de João e Ricardo e disse que o ex-governador  queria continuar mandando no Estado .  “João Azevedo manteve 99% do povo de Ricardo Coutinho no Governo e ele ainda estava achando pouco”.

Galdino rebateu as declarações do ex-governador, que disse numa entrevista, ontem, que sem seu apoio, João não se elegeria nem para vereador.  O presidente da ALPB lembrou que Ricardo Coutinho não elegeu João Azevedo sozinho. ” Todos nós trabalhamos para que essa vitória fosse possível e bom destacar que João Azevedo fez sua pré-campanha sozinho, sem a presença de Ricardo Coutinho”, destacou.

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar