Teve início, na tarde desta quarta-feira (13), na 4ª Vara Criminal da Capital, a audiência de instrução dos envolvidos na chamada ‘Operação Maresia’, que investiga um golpe relacionado à venda de terrenos num suposto condomínio de luxo situado Litoral Sul da Paraíba. A audiência, realizada pela juíza Andréa Carla Mendes Nunes Galdino, foi iniciada com a oitiva das testemunhas arroladas pela acusação, num total de 15, porém foi suspensa às 19h e terá continuidade no dia 29 de abril.

A Operação Maresia foi deflagrada pela Polícia Civil no dia 19 de dezembro de 2017 para apurar fraudes, em torno de R$ 15 milhões, na venda de mais de 300 lotes no Brasil e no exterior em um condomínio de luxo, situado na praia de Coqueirinho, porém, em seis anos, nenhuma estrutura foi construída no local.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Send this to a friend