Durante entrevista ao programa Master News da Tv Master,   o Pré-candidato a Deputado Federal, Bruno Cunha Lima revelou os critérios que o seu partido vai tomar na campanha eleitoral desde ano “O primeiro critério é ser oposição, quem se identificar com projeto governista não irá contar com o Solidariedade. Posso ser criticado por qualquer coisa, menos incoerência”. De acordo com o parlamentar, “os partidos que quiserem acompanhar o projeto do SD deverão levantar a bandeira que venho defendendo na ALPB,   que são as frentes parlamentares em defesa as  pessoas com  autismo e câncer” declarou

A decisão para onde a legenda vai deve se dar nos próximos dias: “Temos conversado internamente sobre isso, a decisão não vai sair aos 46 do segundo tempo”.

Semana das filiações teve um encontro com o senador José Maranhão: “Temos conversas rápidas, sem diálogos mais profundos. Mas sempre tive um profundo respeito por ele. Jamais dei uma palavra que o atinja. Eu tive na casa dele até os meus 16 anos de idade, mas até agora não conversamos sobre composição de chapa”.

Ainda sobre a articulação para a campanha, ele diz que não será uma decisão aos 46 min do segundo tempo. A legenda deve dizer para onde vai, apoiar Lucélio Cartaxo ou Maranhão, nos próximos dias.

 

ACESSO POLITICO COM POLEMICA

Leave a Reply