Na noite deste sábado, 15, a candidata a deputada federal, Procuradora Mônica (PSDB), foi até a comunidade da Penha. A visita foi para ouvir as necessidades dos moradores, que a receberam de braços abertos e com demonstrações de apoio a sua candidatura.
“Vim para que vocês pudessem me conhecer e principalmente para saber como posso ajudar a comunidade que tanto representa para a cidade. Saber das necessidades e anseios”, falou a procuradora, após ser apresentada aos moradores.
A comunidade, que tem mais 2 mil famílias, ainda sofre com necessidades básicas, como a falta de saneamento básico. A reclamação principal dos moradores é a falta do esgotamento e a água que ainda não é totalmente tratada. “A nossa água ainda é salobra e o esgoto não existe. Em governos anteriores inauguraram obra aqui dizendo que nossa água a partir daquele momento era tratada. O esgoto é do mesmo jeito. Há cinco anos instalaram o sistema de esgotamento, mas não tem ligação das nossas casas para o cano. Muitos fizeram clandestina e quando enche, estoura e vai para a rua”, disse um morador.
O Euclides Vitorino, de 82 anos, é uma das lideranças da comunidade e demonstrou apoio à Procuradora Mônica ao ouvir que ela não iria esquecer dos anseios dos moradores. “Tenho 82 anos e sou morador da Penha há 33 anos e não tenho obrigação nenhuma de votar, mas ando com meu título na carteira e faço questão, enquanto vida tiver, de exercer minha obrigação de cidadão. A senhora veio aqui e mostrou que não vai esquecer da nossa comunidade”, declarou.
A candidata terminou a conversa demonstrando preocupação com a falta do básico na comunidade e não entende como os que estão atualmente no poder não fazem o mínimo. “O deputado federal pode usar e tem que usar o orçamento impositivo e precisa buscar recursos nos Ministérios. Ele tem essa prerrogativa para poder encaminhar recursos para o município e melhorar a vida de vocês. Não entendo como esse dinheiro não é usado. Isso é tudo culpa da corrupção. Eu vou lutar para acabar com isso”, afirmou.

Leave a Reply

Your email address will not be published.