No Dia Internacional da Juventude, celebrado neste domingo (12), o deputado estadual Bruno Cunha Lima (SD) destacou proposituras de sua autoria que visam qualificação, inserção no mercado de trabalho e crédito para que o jovem permaneça no meio rural. Os projetos de indicação foram apresentados na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB). “A nossa Paraíba possui jovens com grandes talentos para atuarem seja na zona urbana ou rural. O importante é que sejam criadas ações que capacitem essa juventude e estimulem a permanecerem atuando em suas áreas”, disse.Uma das indicações (407/2017), trata da criação e implementação do Programa de Qualificação Rápida (oficinas, cursos e workshops), baseado nos novos paradigmas no trabalho juvenil: empreendedorismo, novas tecnologias e economia criativa com foco na juventude rural. “É necessário a criação de condições não só para que os jovens permaneçam no campo, mas os meios de qualificação e desenvolvimento de capacidades empreendedoras para assumir as novas frentes produtivas no meio rural com abertura e consolidação de novas perspectivas de futuro”, afirmou.

Já a indicação 128/2015 diz respeito à necessidade de celebração de convênios com o Governo Federal para criação e implementação dos Centros Integrados de Cidadania (CIC) com foco na juventude urbana e rural. É através do CIC com foco na juventude urbana e rural que centenas de jovens poderão criar uma identidade social justa, equitativa e harmônica com a sociedade.

A Indicação 44/2015 pede a implantação do Programa Jovem Aprendiz na Administração Pública Estadual, Direta e Indireta. Bruno destaca que administração pública, direta e indireta representa um celeiro de oportunidades para jovens menores de 14 a 21 anos que podem ser inseridos no contexto de aprendizagem profissionalizante.

Meio Rural – Preocupado com o jovem que vive no meio rural, o parlamentar apresentou a Indicação 155/2015 que garante crédito e assistência técnica diferenciada para a juventude rural, camponesa e ribeirinha, respeitando a diversidade e os interesses das diversas comunidades rurais existentes no estado.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.