O deputado estadual  e líder da oposição, Raniery Paulino apresentou nesta quarta-feira (22), o projeto de lei 495/2019  que concede  anistia as punições aos servidores técnico-administrativos da administração direta e indireta do estado da Paraíba, punidos administrativamente por participarem de movimento grevista ou paralisações e pleitearem melhorias nos seus  vencimentos e condições de trabalho.
O parlamentar vem sendo o  mediador entre a categoria e o governo do estado,  na ALPB. Paulino ao apresentar a PL  quer que o atual Governador João Azevedo se solidarize com os Técnicos Administrativos e anistie as punições do ex-governador da Paraíba.
“ Venho sendo o porta-voz dos técnico-administrativos, na ALPB” disse. ” Acredito que esse Projeto de Lei irá ser aprovado, pois os técnicos estavam reivindicando legitimamente sobre melhores condições de trabalho como reposição salarial, vale alimentação, redução da carga horária e uma revisão do plano de cargos e carreiras do Governo.” frisou Raniery.
Raniery ainda criticou a falta de dialogo por parte do ex-governador da Paraíba, ” Lamento muito, a intransigência do Governo anterior e não ter  dialogado com a categoria, mas sim  retaliar com o corte no ponto” , avaliou.  “Esperamos que o atual governador abra um diálogo com a categoria  e anistie as punições do ex-governador.” falou Raniery.
O REAJUSTE
O reajuste de 15,76% nos salários é reivindicado para que exista uma proporcionalidade em relação ao que os servidores ganhavam alguns anos atrás. São mais de 1.500 servidores que aderiram ao movimento em todo o estado com uma ação de legalidade da greve.
Os serviços mais prejudicados foram os das escolas, dos hospitais e os que estão no Centro Administrativo do Governo da Paraíba.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Send this to a friend