Reunião da executiva nacional do PSB nesta terça-feira (9), em Brasília, definiu que o partido irá apoiar nacionalmente a eleição de Fernando Haddad (PT).

Os dirigentes, no entanto, liberaram o governador Márcio França para se manter neutro em São Paulo e se concentrar na sua disputa à reeleição contra João Doria (PSDB). Participaram do evento os paraibanos Ricardo Coutinho, João Azevêdo e Veneziano Vital do Rêgo.

França tem se sustentado no discurso de que não apoiará nem Bolsonaro nem Haddad, mas atuará pela conciliação da polarização nacional.

 

ParaíbaJá

Leave a Reply

Your email address will not be published.