“Nós alinhamos não somente o nosso discurso, mas as nossas práticas”, declara Secretária Rafaela sobre gestores de Juventude do Nordeste

 

Em entrevista ao programa Fala Juventude, da Rádio Tabajara FM, nesta quarta-feira (13) a noite, a Secretária Executiva de Juventude da Paraíba, Rafaela Camaraense, falou sobre o planejamento da Secretaria Executiva da Juventude, com relação às políticas públicas a serem implementadas para o segmento, em 2021.

No programa, a Secretária falou dos desafios que tem enfrentado, neste período da pandemia e das dificuldades impostas pela mesma, mas revelou o desejo de estar mais próxima das juventudes neste ano, com a esperança da vacina.

Quando indagada sobre a relação da pasta com o Governo Federal, Rafaela fez uma breve avaliação sobre a relação com a Secretaria Nacional de Juventude, que coincidentemente, é gerida pela também paraibana, Emilly Coelho. “Pois é. Infelizmente nós não temos muito essa relação. Nos sentimos carentes de políticas públicas que venham do Governo Federal. A gente precisa disso. O Governo Federal tem muito mais possibilidades do que o Governo Estadual e Municipal. Nós queremos diálogo, é preciso ter esse diálogo, mas infelizmente não conseguimos, esperamos conseguir. É preciso buscar políticas públicas, independente de alinhamento ideológico. A gente precisa, de fato, de pessoas que queiram mudar a realidade da nossa região, do nosso estado e do país.”, pontuou.

Em contrapartida, a gestora revelou a boa relação com os demais gestores e gestoras de juventude do Consórcio Nordeste. “Nós temos uma relação muito boa e muito saudável com diversos outros estados, daqui do Nordeste, inclusive, o Nordeste é muito unido, com relação à política de juventude. Nós temos grupos de trabalho. Nós alinhamos não somente o nosso discurso, mas alinhamos as nossas práticas. Nossa maneira de fazer política é diferente. Acreditamos que não é superlotando presídios que a gente vai diminuir a marginalidade. A gente acredita no caminho oposto, na educação, na cultura, a gente acredita que esses são elementos importantes para retirar o jovem da condição de marginalidade, não é com apologia à violência.”, enfatizou.

*Sobre Rafaela Camaraense*

Natural de Cuité, no Curimataú Paraibano, a gestora pública de formação, tem 29 anos e começou sua trajetória na política através do Centro Acadêmico, na faculdade. Foi a primeira da família a ingressar na política, tendo sido eleita e reeleita vereadora, em seu município, nas eleições de 2012 e 2016, respectivamente. Em 2018 candidatou-se a Deputada Estadual, pelo antigo PPS (atual Cidadania), obtendo 16.408 votos, ficando na suplência. Em 2020, em meio a pandemia, recebeu o convite do Governador João Azevêdo (Cidadania), para assumir a Secretaria Executiva de Juventude do Governo do Estado.

Wéverton Correia