O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 255 votos a 105, a Medida Provisória 785/17, que reformula o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O texto aprovado é o parecer do relator, deputado Alex Canziani (PTB-PR), com destaques que alteraram alguns pontos.

Para 2018, a MP exige a adesão das faculdades interessadas a um fundo de garantia; e o pagamento das parcelas do financiamento pelo estudante logo após o término do curso.

De acordo com a MP, não haverá mais carência de 18 meses para começar a pagar após o término da faculdade, mas o relator especifica que o custo do financiamento não será maior que a variação da inflação no período do contrato.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Send this to a friend