O presidente Jair Bolsonaro atacou duramente os governadores da Paraíba, João Azevedo (PSB), e do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), antes de uma coletiva de imprensa com jornalistas na manhã desta sexta-feira 19.

“O governador de Paraíba é pior que esse do Maranhão. Não tem que ter nada com esse cara”, disse o presidente antes de uma coletiva, sem saber que seu áudio estava aberto; ele se referia a Flávio Dino (PCdoB) e João Azevêdo (PSB), que estão entre os governadores mais bem avaliados do país.

João rebate ataque de Bolsonaro:

“Condenamos toda e qualquer postura que venha ferir os princípios básicos da unidade federativa e as relações institucionais deles decorrentes”, afirmou o gestor estadual. Confira resposta na íntegra:

“Tenho uma visão de que política se faz de forma republicana. Do mesmo jeito que sou governador dos 223 municípios da Paraíba, o presidente é presidente de todos os 27 estados. E não pode tratar nenhum estado com, evidentemente, nenhum tipo de discriminação. Entretanto, não acho que seja a forma correta de se tratar, que é a falta de republicanidade”, afirmou João Azevêdo ao programa ’60 Minutos’, da rádio Arapuan FM.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Send this to a friend