Em Guarabira: Roberto Paulino cancela agenda de campanha nesta quarta-feira por causa da morte do médico Geraldo Camilo

 

O médico Geraldo Camilo, ex-prefeito de Mulungu (onde nasceu), faleceu nesta quarta-feira (28) na sua residência na Capital do Estado, em João Pessoa. Fundador do Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Luz, “Dr. Geraldo” tinha 85 anos de idade. O candidato a prefeito de Guarabira, Roberto Paulino, cancelou a agenda de campanha desta quarta-feira (28) por causa do falecimento médico.
Nas redes sociais, Roberto Paulino lamentou a morte de um dos últimos intelectuais do Brejo paraibano, Geraldo Camilo . “Lamento profundamente a partida do médico Geraldo Camilo, nesta quarta-feira (28). Dr. Geraldo certamente deixa um grande legado para Guarabira e uma história de caráter, dignidade e humanismo, não só na profissão, mas durante toda a sua vida. Meus sentimentos aos familiares, amigos e a todos, que assim como eu, o admiravam.” destacou.

Considerado um dos últimos intelectuais do Brejo paraibano, Geraldo Camilo, conforme relatos do radialista Rafael San, era viciado em livros. Na Rádio Cultura, quando ainda a emissora era AM, o médico tinha um programa às sextas-feiras onde discutia assuntos diversos, inclusive temas na área da intelectualidade.

O corpo de Geraldo Camilo será cremado, como desejo dele em vida. O falecimento do médico entristeceu Guarabira, Mulungu e o Brejo da Paraíba, uma vez que ele tinha inúmeros serviços prestados à região.

Como legado, além da história e do incontestável serviço prestado a Guarabira e região,  “Dr. Geraldo” deixa filhas, genros e netos todos na área da medicina.