Fofinho registra no TRE ser carioca e só ter ensino fundamental

 

No dia 15 novembro é o eleitor de Bayeux que vai escolher o prefeito para comandar a cidade por quatro anos, e não a Câmara Municipal como aconteceu no mês passado que escolheu a atual gestora Luciene de Fofinho, sem que a voz rouca das ruas tivesse vez.

Pois bem. É importante lembrar a prefeita de agora não pode falar que possíveis adversários são “forasteiros”, alheios aos problemas da cidade, até porque ela também é. Conforme registro do candidato na Justiça Eleitoral, Fofinho é carioca da gema.

Além de carioca, possui apenas o ensino fundamental. Na cidade, não se fala em outra coisa senão se tratar de uma protegida do antecessor Berg Lima, que a levou sentar em sua cadeira após a renúncia