Prefeitura de João Pessoa promove ações de saúde para homens em situação de rua

 

A Prefeitura de João Pessoa, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), realizou, nesta quinta-feira (25), uma ação em alusão a campanha ‘Novembro Azul Sempre’, voltada aos homens em situação de rua. A atividade, promovida pelas equipes do programa Consultório na Rua em parceria com a área técnica de saúde do homem, aconteceu na Praça de São Francisco, no Centro.

“A maioria das pessoas que vivem em situação de rua é de homens, então, aproveitamos o momento do novembro azul para chamar a atenção dessas pessoas sobre a importância do cuidado com a saúde como forma de prevenção e aproveitamos para dar visibilidade ao tema”, destaca a coordenadora do programa Consultório na Rua, Luana Alves.

Durante a atividade, foi ofertada a realização de testes rápidos para Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), além de verificação de sinais vitais, glicemia, pressão arterial, atualização vacinal, vacina contra a Covid-19, orientações em saúde do homem e para a prevenção ao câncer de próstata, além de oficinas de arte com música e capoeira.

Novembro Azul Sempre – Durante este mês, serviços da rede municipal de saúde estão realizando atividades em combate ao câncer de próstata e promoção da saúde do homem. A campanha ‘Novembro Azul Sempre’ conta com atividades na Atenção Básica, por meio das unidades de saúde da família (USF), e ações nos serviços de Atenção Especializada, como as policlínicas municipais e centros de atenção psicossocial (CAPS).

Consultório na Rua – Com o foco na reabilitação, o Consultório na Rua é formado por equipes multiprofissionais que realizam diversas formas de acolhimento de pessoas em situação de rua, em especial pelo uso de álcool e outras drogas, desenvolvendo ações integradas com outros serviços de saúde e assistência social. O programa é formado por enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, agentes sociais e terapeutas ocupacionais, divididos em quatro equipes.

A abordagem das equipes acontece de forma itinerante nas ruas, praças e outros locais públicos da cidade, onde os profissionais realizam procedimentos e atendimentos de enfermagem, psicologia, terapia ocupacional e assistência social, além de práticas de redução de danos e atividades de arteterapia com música e capoeira.